O Programa de Pós-Graduação em Música da UFRJ convida professores, alunos e o público em geral a acompanhar a programação do seu 20° Colóquio de Pesquisa, evento online com transmissão ao vivo pelo canal do evento no YouTube que ocorre de 25 a 29 de abril de 2022. Em sua abertura no dia 25 de abril às 10 horas, o PPGM-UFRJ recebe como palestrante a compositora, pianista, professora e pesquisadora Marisa Rezende, docente aposentada da Escola de Música da UFRJ, com marcante atuação tanto no seu Departamento de Composição, quanto no Programa de Pós-Graduação em Música.

Natural do Rio de Janeiro, Marisa Rezende iniciou-se na música por influência de seu pai, um pianista autodidata. O estudos formais de piano tiveram início quando tinha apenas 5 anos, com a professora Marieta de Saules, figura marcante para a compositora. Fascinada pelo universo teórico-musical, ingressou no curso de Música da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em 1962. Neste período, dedicou-se a entender a razão pela qual determinadas sequências, movimentos e harmonias eram frequentemente desaconselhados por seus professores. Marisa viria a graduar-se porém apenas em 1974, na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), após um período de residência em Boston, Estados Unidos. Retornaria a seguir para este mesmo país, onde concluiu o Mestrado em Piano pela Universidade da Califórnia em Santa Barbara em 1976. Neste período, inicia a contabilização oficial de suas obras com as peças Trio para oboé, trompa e piano e Trio para violino, violoncelo e piano.

Marisa ingressou na carreira docente em 1978 na Universidade Federal de Pernambuco, onde trabalhou até 1987. Voltando à Universidade da Califórnia em Santa Barbara em 1982, obteve na instituição o título de Doutora em Composição em 1985, passando a lecionar na Universidade Federal do Rio de Janeiro em 1987. Na UFRJ, fundou o grupo Música Nova, dedicado ao repertório contemporâneo brasileiro, junto ao qual atuaria por muitos anos como compositora e pianista. Ao lado de Rodolfo Caesar, criou o Laboratório de Música e Tecnologia (LaMuT), voltado ao ensino e pesquisa da música eletroacústica e à análise composicional. Em 1988, colaborou para a criação da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Música (ANPPOM). Em 1992, realizou Estágio Pós-Doutoral na Keele University, Inglaterra.

Compositora com um amplo catálogo de obras, Marisa Rezende teve suas obras apresentadas por grupos como a Orquestra Sinfônica Brasileira, o Lontano Ensemble de Londres e o Da Capo Players de Nova Iorque. Participou de importantes festivais e bienais no Brasil e no exterior, como a Bienal de Música Brasileira Contemporânea do Rio de Janeiro, o Sonidos de las Americas de Nova Iorque, o Festival Brasilianischer Musik de Karlsruhe, Alemanha, e o Festival Música Nova de São Paulo, idealizado por Gilberto Mendes. Entre os prêmios por ela recebidos, destacam-se o outorgado pela UCSB Music Affiliates (1984), pela peça Sexteto em seis tempos, e a Bolsa Vitae de Artes (1999) para a produção da obra O (In)dizível, estreada em 2000. Recebeu em 2016 a Medalha Villa-Lobos da Academia Brasileira de Música, pelo conjunto de sua obra. Pela valorosa contribuição da compositora para a cultura e a educação musical do país, o Festival de Música Contemporânea (FMCB) homenageou a compositora durante a sua 5° edição, realizada em 2018.

Como professora de mais de uma geração de compositores brasileiros, muitos dos quais ligados ao Programa de Pós-Graduação em Música da UFRJ, Marisa é lembrada sempre por seu principal conselho aos jovens compositores: o de buscar constantemente uma voz própria, uma voz que seja capaz de marcar sua identidade autoral. Na abertura do “20° Colóquio de Pesquisa PPGM-UFRJ”, Marisa Rezende oferece um depoimento sobre a sua trajetória acadêmica, em muitos sentidos entrelaçada à história da Escola de Música da UFRJ e seu Programa de Pós-Graduação.

20° Colóquio de Pesquisa PPGM-UFRJ
De 25 a 29 de abril de 2022

Abertura: 25 de abril às 10:00
Sessões de comunicação: 25 de abril de 14:00 às 17:00, 26 a 28 de abril de 9:00 às 11:00 e de 14:00 às 17:00, 29 de abril de 9:00 às 11:00
Mesas redondas e palestras: 26 a 28 de abril às 11:00, 29 de abril às 11:00 e às 14:00

Transmissão ao vivo pelo canal do evento no YouTube 🔗
Página do evento no Portal de Conferências da UFRJ 🔗
Programação completa 🔗

Escrito por PPGM-UFRJ

Programa de Pós-Graduação em Música da UFRJ

1 comentário

  1. Luiz Carlos Otávio. abril 20, 2022 às 4:26 pm

    Tive a honra em ser seu aluno como ouvinte numa pós graduação nós anos 80 na UFPB, quando foi criada a ANPON.

    Curtir

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s