Maxixe e lundu em diferentes fontes históricas: acervo fonográfico e autores consagrados

Maxixe e lundu em diferentes fontes históricas: acervo fonográfico e autores consagrados 📄
Maurício Sá Barreto Teixeira | Regina Meirelles

Resumo: São poucos os estudos sobre as gravações iniciais feitas no Brasil, tanto na atualidade como em textos anteriores. Esta pesquisa torna-se viável graças ao acervo de fonogramas da Casa Edson. Este texto tem por objetivo examinar as semelhanças e diferenças entre duas fontes históricas no estudo de maxixes e lundus: suas gravações e os autores mais conhecidos que pesquisaram esta temática. Alguns dos estudos mais antigos destes gêneros musicais são essenciais para produções acadêmicas recentes, no entanto esses adotaram uma postura nacionalizante e sistemática, desta forma distanciando-se da performance, da oralidade e das próprias gravações.

Palavras-chave: Gravações. Maxixe. Lundu. Tradição musicológica.