Mudanças e crises no mundo e na escola: perspectivas para uma educação musical emancipadora

Mudanças e crises no mundo e na escola: perspectivas para uma educação musical emancipadora 📄
Thelma Sydenstricker Álvares

Resumo: O artigo discorre sobre alguns desafios encontrados em escolas de ensino básico tanto públicas como privadas. Discutimos como preconceitos raciais, religiosos e relativos a gênero interferem na vida escolar. Abordamos a dificuldade da convivência com as diferenças humanas, utilizando o conceito da educação musical na diversidade para o entendimento de que a diferença é parte, e não uma distorção, da natureza humana. Debatemos a inclusão de alunos com deficiência e os problemas gerados pelo discurso da medicalização presente no ambiente escolar. Refletimos sobre possíveis caminhos para enfrentar estes desafios e tornar a escola um caminho de empoderamento social a partir da proposta da Pedagogia Simbólica Junguiana de Byington, das ideias de McNiff, Nordoff e Robbins.

Palavras-chave: Escola. Diversidade. Movimentos sociais. Símbolo.